Notícias
Notícias
05/08/2022
Orçamento de 2023 deve manter redução de impostos sobre combustíveis
A proposta de Orçamento para 2023, que será enviada pelo governo ao Congresso no dia 31 deste mês, deverá manter a redução de impostos federais sobre os combustíveis, de acordo com integrantes do governo. A medida custará cerca de R$ 55 bilhões, segundo cálculos em discussão no Palácio do Planalto. Com articulação do governo, o Congresso aprovou zerou neste ano os impostos federais (PIS/Cofins e Cide) sobre gasolina, óleo diesel e biocombustíveis, além do gás de cozinha. Essa desoneração, porém, só vale até dezembro. Prever no Orçamento de 2023 a manutenção da desoneração faz parte da estratégia eleitoral do presidente Jair Bolsonaro. Assessores do presidente querem evitar notícias vistas ...

Governo de Pernambuco faz anúncios de redução no preço dos combustíveis
Folha de Pernambuco - 04/07/2022

Pela rede social, o governador de Pernambuco disse que assinou o decreto que altera a base de cálculo

O Estado Pernambuco deve aprovar o teto na alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) dos combustíveis, seguindo a lei federal 194/2022. Nesta segunda-feira (4), através do seu Twitter, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, informou que vai convocar a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) para analisar a lei federal que reduz as alíquotas do imposto sobre os combustíveis.

Câmara ainda confirmou que assinou o decreto que altera a base de cálculo do ICMS sobre a gasolina, o diesel e o gás de cozinha (GLP).

“Vamos convocar a Assembleia Legislativa para apreciar o projeto de lei estadual que vai colocar em prática a Lei Complementar Federal 194, que reduz as alíquotas do ICMS dos combustíveis.

Além disso, assinei o decreto que aplica a média móvel de preço dos últimos 60 meses para a base de cálculo da gasolina, do diesel e do GLP”, confirmou Câmara, pela sua rede social.

A redução na arrecadação do ICMS sobre os combustíveis vai gerar uma leve queda no preço dos combustíveis, mas trará perdas significativas para a saúde, educação e as políticas sociais segundo o governo.

“Com isso, o valor do ICMS cobrado na gasolina, por exemplo, cai de imediato em 41 centavos por litro e mais 52 centavos, com a aprovação da lei. Uma diminuição total de R$ 0,93. Essas medidas todas impactarão em R$ 4 bilhões de perdas anuais no orçamento do Estado. Dinheiro que iria para educação, saúde e políticas sociais para os que mais precisam”, disse o governador pelo Twitter.

A redução da alíquota em Pernambuco será de 29% para 18%. A lei federal estabeleceu como teto uma alíquota média entre 17 e 18%, não podendo superar esse patamar.







Outras Notícias

05/08/2022 - Orçamento de 2023 deve manter redução de impostos...
04/08/2022 - Banco Central promove 12ª alta seguida nos juros e...
04/08/2022 - Petrobras anuncia redução no preço do diesel
02/08/2022 - Estado terá R$ 327 milhões em investimentos
31/07/2022 - Governo reduz IPI de produtos fabricados no Brasil
27/07/2022 - Banco Central dos EUA volta a subir juros
22/07/2022 - Gasolina fica mais barata nos postos, após corte de 5%...
21/07/2022 - Mercosul aprova redução de tarifas de importação
19/07/2022 - Redução de preço anunciada Petrobras vem após três...
15/07/2022 - Pernambuco sanciona lei que reduz ICMS de...
15/07/2022 - Boas notícias para o Brasil
14/07/2022 - Desconto do ICMS nas tarifas de energia terá impacto...
13/07/2022 - Preços do petróleo se estabilizam após forte queda
12/07/2022 - Aneel aprova desconto de 4,07% na conta de luz em...
11/07/2022 - Focus: expectativa para inflação de 2022 recua pela...
11/07/2022 - Vilões da inflação no início do ano, produtos in...
10/07/2022 - Bares e restaurantes projetam alta de 5% no...
08/07/2022 - CNI eleva para 1,4% projeção de crescimento do PIB em...
05/07/2022 - Indústria acumula alta de 1,8% em 4 meses de avanços...
02/07/2022 - O Momento Econômico do Brasil Pós Pandemia
 
 
Avenida Conselheiro Aguiar 2205 - sala 102 - Boa Viagem - CEP 51.111-011 - Recife/PE
e-mail: secretaria@borbaconsultoria.com.br

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player